PT | EN


RODRIGO FRANZAO

Série de trabalhos, que contextualiza o indivíduo por suas próprias ações, sentimentos e experiências. Com base na rotina contemporânea, as obras são inspiradas pelo sentimento de desorientação e confusão do indivíduo diante de sua atitude existencial.

Desespero, ansiedade, absurdo, alienação e tédio são adjetivos trabalhados nesta série, a fim de sensibilizar o observador para encontrar uma única maneira de dar sentido à sua vida e vivê-la de uma forma sincera e apaixonante.